3 de fevereiro de 2006


Última Carta...                                                       

____Algumas coisas pra falar hoje. Minhas férias estão nas últimas isso significa que os postes serão com menos freqüência mais não vos abandonarei (juro). Tenho muita coisa pra arrumar, tecnicamente meu ano começa agora, de volta a minha casa, meus amigos (os que sobraram deles), a faculdade (?), e algumas pequenas obrigações (?). “É, mas tenho ainda muita coisa pra arrumar, promessa que me fiz e que ainda não cumpri”.(Minha cara no momento).
____Alguns já devem ter percebido que venho mudando algumas coisas por aqui. Tem alguns blogs novos que valem à pena ser conferidos, tem alguns links novos (livros) que ainda estou organizando.
____Ao post do dia: Como diria o grande Álvaro Campos “Todas as cartas de amor são Ridículas. Não seriam cartas de amor se não fossem Ridículas...”



_____Das canções que escrevo, quero que reste apenas o sentimento contido em cada nota. Não quero que se lembre do meu rosto, e sim da minha voz ecoando em nosso mundo nos dias em que estive bem.

_____Quero que se lembre o quanto profunda cheguei até você, e o quanto isso foi importante para mim.

_____Não me imagine sofrendo por não poder mais caminhar com você por esse horizonte, me imagine feliz, no meu mundo, andando em meio a um bosque perfumado por flores, morando em uma casa rústica e quente, e vivendo do que um dia me proporcionaram.

_____Não me veja nas coisas que vivem no chão, e sim em cada pássaro que voa livre no céu. Não se lembre do meu "não sei o que", e sim me veja renascer no olhar ingênuo de cada criança.

_____Não chorem por mim, pois eu posso não estar segurando tua mão nesse momento. Mas nunca te abandonarei.

Por hoje é só, volto a postar na terça-feira, ou pelo menos pretendo. Bom Fim de Semana pra todos!

Por Laila Braga 21:34

|








0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link